Tenha força e sabedoria para resistir às tentações. Seja ativo e destemido. Pense antes de agir. Faça com freqüência algo que toque o coração das pessoas. Ser corajoso e virtuoso é ter capacidade de admitir os próprios erros. Aprenda a aceitar perdas, falsas acusações, contratempos e humilhações. Não inveje aqueles que praticam boas ações ou dizem boas palavras, tenha sempre na mente vontade e beleza. A capacidade de doar traz abundância. Importe-se apenas com o que é certo e errado, não se fixe em perdas e ganhos. Não há êxito sem persistência, diligência e determinação. Procure ouvir boas palavras e jamais esqueça o que elas significam. Não desperdice seu tempo. Faça planos e use o tempo com sabedoria. Faça tudo com boa intenção, verdade, sinceridade e beleza. Não se apegue ao passado. Olhe sempre adiante. Lute sempre pelos seus objetivos e vá longe. Quando nos livramos dos maus hábitos e subjugarmos as cinco raízes: ouvidos, nariz, língua, corpo e mente, nossa vida estará livre de erros. O otimismo é como uma luz que brilha num futuro repleto de esperança, enquanto o pessimismo é como uma droga que corrói o bem estar do espírito. Confiança é riqueza, pois "uma promessa cumprida vale mais do que mil moedas de ouro". Auto-reflexão e arrependimento são forças que nos ajudam a nos corrigir, são como espelhos em nossas mãos. Não se gabe de sua boa ação. Nunca se esqueça da boa ação que o outro fez. Seja crítico consigo mesmo, não com os outros. Contente-se com sua situação, nunca com seu aprendizado. Use seus olhos para examinar-se a si mesmo, não aos outros. Use sua boca para criticar-se a si mesmo, não aos outros. Tolere os erros dos outros para evitar discussão. Não exiba suas qualidades, nem exponha os defeitos dos outros. Não quebre promessas, mantenha sempre a sua palavra. Descubra seu maior defeito e disponha-se a corrigi-lo.
 

 

 

CAPÍTULO OS VERDADEIROS AMIGOS:

CLIQUE AQUI